Links de Acesso

Administração Trump propõe orçamento com cortes drásticos


Aqui nos Estados Unidos, a Casa Branca apresentou a sua proposta de orçamento para o próximo ano fiscal que se inicia a 1 de Outubro .

A proposta da administração Trump prevê profundos cortes na ajuda externa e também na agência responsável pela proteção do meio ambiente.

A ser aprovada a proposta mudará drasticamente a orientação da administração americana liderada pelo novo presidente republicano.

“Não há dúvida que se trata de um orçamento bastante duro”, afirmou Mick Mulvaney o responsável pelo departamento federal encarregado do orçamento.

“Trata-se daquilo que os nossos aliados podem esperar e daquilo que os nossos adversários podem esperar. Era aquilo que o presidente pretendia e acho que fizemos um bom trabalho”, disse Mulvaney à imprensa.

O primeiro orçamento do presidente Trump prevê mais fundos para a defesa e controlo das fronteiras assim como para o sistema de ensino público e privado.

Corta por outro lado em 28% o orçamento do departamento de estado.

Contudo o orçamento precisa de ser aprovado por pelo menos 60 votos no Senado. O partido republicano tem uma maioria de 52 senadores mas não há garantias de que todos eles apoiem o orçamento na sua redação actual e quase todos os senadores democratas opõem-se ao mesmo.

O secretário de estado Rex Tillerson teria entretanto protestado contra o proposto corte de mais de um quarto do seu orçamento. A ajuda anual de 3 mil milhões de dólares a Israel permaneceria no entanto intacta de acordo com fontes da administração Trump.

A sua Opinião

Mostrar Comentários

XS
SM
MD
LG