Links de Acesso

Estados Unidos: Jornalistas mortos a tiro em plena entrevista “ao vivo”

  • Redacção VOA

Alison Parker e Adam Ward

Alison Parker e Adam Ward

Atirador Vester Flanagan, ex-funcionário da WDBJ, morre horas depois de disparar contra si mesmo.

Dois jornalistas do canal televisivo WDBJ foram mortos, hoje, a tiro, enquanto faziam uma reportagem matinal, em Virgínia, Estados Unidos.

A estação afiliada da CNN disse que os profissionais são a repórter Alison Parker, de 24 anos; e o operador de câmera Adam Ward, de 27 anos.

Atirador filmou momento do crime

Atirador filmou momento do crime

Os disparos foram cerca das 6:45 quando eles entrevistavam uma mulher num supermercado em Smith Mountain Lake, em Moneta, arredores da cidade de Roanoke. A entrevistada foi ferida.

O principal suspeito, Vester Flanagan, disparou contra si mesmo, após ser confrontado pelas autoridades. Horas depois perdeu a vida.

Também conhecido como Bryce Williams, o suspeito foi funcionário do mesmo canal de TV da cidade de Roanoke.

Mostrar Comentários

XS
SM
MD
LG