Links de Acesso

Embaixadora americana em Luanda reitera vontade de cooperar com Angola

  • Redacção VOA

Helen La Lime encontrou-se com João Lourenço

Diplomata diz que relações bilaterais são fortes, mas “por vezes com diferenças de opiniões”

A embaixadora americana em Luanda reiterou ao ministro da Defesa de Angola a intenção do seu Governo em aprofundar as relações em matéria de defesa, com abertura a uma maior cooperação.

Num encontro na quarta-feira, 29, Helen La Lime assegurou que o seu país está aberto para receber mais angolanos para formação, seja através de conferências, seja para cursos de longa duração nas escolas da marinha americana.

Quanto às relações bilaterais, Helen la Lime considerou que são fortes, “por vezes com diferenças de opiniões”.

“Temos uma relação em que podemos discutir de tudo. Ambos países defendem os seus interesses, mas há muita área comum onde agora aproveitamos para trabalhar em conjunto”, concluiu a embaixadora dos Estados Unidos em Angola.

O encontro aconteceu dois dias antes do término do “Obangame Express 2017”, a 31 de Março, exercício liderado pelo Comando Militar Norte-Americano para a África (Africom), que visa testar as forças marítimas em operações navais e aumentar a capacidade e agilidade dos países do Golfo da Guiné, para o combate às ameaças na região.

Além de Angola, participam militares de Cabo Verde, Costa do Marfim, Gana, Togo, Benin, Camarões, Nigéria, Gabão, São Tomé e Príncipe, República Democrática do Congo, República do Congo, Senegal, Guiné Conacri e Serra Leoa.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG