Links de Acesso

Dois soldados franceses detidos por suspeita de pedofilia


Crianças numa escola no Burkina Faso. Imagem meramente ilustrativa

Crianças numa escola no Burkina Faso. Imagem meramente ilustrativa

Dois soldados das forças especiais francesas suspeitos de pedofilia no Burkina-Faso chegaram nesta Quinta-feira, 2, a França, onde vão ficar em prisão preventiva. Segundo a agência de notícias Reuters, que cita fonte policial, eles são acusados de agressão sexual de duas meninas de três e cinco anos na piscina de um hotel de Ouagadougou.

O ministério público de Paris abriu um inquérito preliminar ao caso na passada Terça-feira. Fontes próximas da investigação no Burkina-Faso afirmaram que os dois soldados, de 36 e 38 anos, conheceram a mãe da menina mais nova na piscina, que os convidou para tomarem uma bebida na sua casa.

Um dos soldados esqueceu-se de uma câmara vídeo portátil, na qual a mãe encontrou imagens feitas na piscina e nas quais um dos homens alegadamente toca nas meninas.

A mãe levou o filme "relativamente longo" à embaixada francesa. Posteriormente, o pai da outra menina também viu as imagens.

XS
SM
MD
LG