Links de Acesso

Dirigente da Renamo assassinado na Beira

  • Redacção VOA

Desconhece-se se o crime foi comum ou político.

O membro do Conselho Nacional de Defesa e Segurança da Renamo, José Manuel, foi morto a tiro na noite de sábado, 9, na Beira, em Moçambique, juntamente com mais duas pessoas.

Os autores do crime são desconhecidos.

Apesar de o porta-voz da Renamo António Muchanga ter confirmado a morte de Manuel ao jornal O País, há informações contraditórias sobre o incidente, que não se sabe tratar-se de crime comum ou político.

A polícia chegou ao local 10 horas depois do crime e não se pronunciou ainda sobre o facto.

(Em actualização),

Mostrar Comentários

XS
SM
MD
LG