Links de Acesso

Diego Maradona: "A FIFA é um recreio para corruptos"


Diego Maradona

Diego Maradona

Num artigo escrito na publicação inglesa, The Telegrah, o ex-craque do futebol, o argentino Diego Maradona arrasa mais uma vez com a Federação Internacional de Futebol (FIFA), reforçando a ideia de que o seu presidente Joseph Blatter tornou a aquela entidade num "recreio para corruptos e num duro embaraço para aqueles que amam o futebol".

"Durante décadas vivi e respirei futebol todos os santos dias. É a minha paixão. Sinto um orgulho profundo da minha carreira e do apoio fantástico que tenho dos meus fãs na Argentina e em todo o mundo, bem como de colegas e amigos. Por isso escrevo hoje", explica El Pibe.

"Sob a direcção de Sepp Blatter, a FIFA tornou-se numa desgraça e num doloroso embaraço para aqueles que realmente se importam com o futebol".

Presidente da FIFA Sepp Blatter

Presidente da FIFA Sepp Blatter

"O futebol mudou nas últimas décadas e não foi para melhor. No passado, era um desporto do qual nos podíamos orgulhar, que unia o mundo. Mas a FIFA tornou-o num recreio para corruptos", defendeu Maradona.

Maradona refere-se à recandidatura de Blatter, pela quinta vez, à presidência da FIFA.

"Embora a maior parte das pessoas com quem falo não apoie Blatter, muitas pensam que ele vai ganhar. Porquê? A noção de um quinto mandato é absurda em 2015 - é inaceitável em qualquer país democrático. É inaceitável nas Nações Unidas e na maior parte das organizações internacionais", continua Maradona.

"Mas para a FIFA está tudo bem. Temos um ditador para sempre", conclui.

XS
SM
MD
LG