Links de Acesso

Dezenas de imigrantes ilegais foram detidos pelas autoridades em Malanje

  • Isaías Soares

A maioria é proveniente da RDC, país afectado pelo ébola.

Os efectivos da V Unidade da Polícia de Guarda Fronteiras em Malanje detiveram, durante o primeiro semestre deste ano, mais 80 cidadãos estrangeiros em situação migratória ilegal, anunciou o seu comandante José Chiunda Coragem.

O responsável, que falava por ocasião das comemorações dos 36 anos da criação daquele ramo da Polícia Nacional, confirmou a notificação de 17 violações de fronteiras fluviais, “23 buscas e recolha dirigidas por permanência ilegal que resultaram na detenção de 88 cidadãos, dos quais 60 do sexo masculino e 28 do sexo feminino, todos da República da República Democrática do Congo”.

De Janeiro a Junho de 2014 os policias que controlam parte dos 147 quilómetros de fronteira fluvial com a República Democrática do Congo, a norte desta província, recuperaram equipamentos utilizados na exploração ilegal de diamantes, pesca e caça furtiva.

A província de Malanje, a julgar com o seu potencial mineral e a proximidade com a capital angolana, Luanda, é cobiçada por milhares de estrangeiros civis.

XS
SM
MD
LG