Links de Acesso

Criminalidade em Angola adquire contornos preocupantes

  • Agostinho Gayeta

Os crimes passionais, os homicídios, roubos qualificados, o consumo de drogas, a violação dos direitos civis e políticos, sobretudo os crimes selectivos, são os mais preocupantes.

A criminalidade está a ganhar corpo em Angola. As forças da ordem revelam-se incapazes de controlar na totalidade a situação. Analistas entendem que o aumento de crimes deve-se à causas sociais e à falta de definição de estratégias de actuação mais eficazes por parte do Estado.

Os crimes passionais, os homicídios, roubos qualificados, o consumo de drogas, a violação dos direitos civis e políticos, sobretudo os crimes selectivos, são os mais preocupantes. A sua proporção está a atingir contornos que mexem com a segurança dos citadinos.

O Professor e Coordenador dos Cursos de Pós-graduações da Faculdade de Ciências Sociais da Universidade Agostinho Neto, Paulo de Carvalho, pensa que a globalização é um dos factores que influenciam a onda de crimes selectivos no país, que, grosso modo, aumentam o sentimento de insegurança no seio dos cidadãos.

A acção da polícia precisa de ser mais incisiva, assim como os métodos de investigação criminal devem ser aprimorados para que os crimes sejam esclarecidos, os criminosos encontrados e responsabilizados civil e judicialmente.

Mostrar Comentários

XS
SM
MD
LG