Links de Acesso

Crédito agrícola regressa à Huíla

  • Teodoro Albano

Cerca de 15 mil agricultores poderão beneficar do programa na nova campanha agrícola

Na Huíla a campanha agrícola de 2015/16 pode ficar marcada pelo regresso do chamado crédito de campanha que consiste na atribuição de valores para o incremento da agricultura nas comunidades rurais para posterior reembolso.

O programa deve envolver cinco municípios do norte da província conhecidos pelo seu potencial agrícola, nomeadamente, Caluquembe, Caconda, Chicomba, Matala e Cacula.

O director do Instituto do Desenvolvimento Agrário, da Huíla, Nguinamau Luzayawo, revelou que o crédito de campanha vai envolver quinze mil beneficiários e espera que tudo o resto fique por conta das condições climatéricas.

“ Teremos um envolvimento de cerca de 15 mil beneficiários e o governo vai disponibilizar recursos para esse crédito”, disse

Mais de seiscentos mil hectares de terras e perto de mil aldeias correspondentes a cerca de duzentas famílias camponesas são os números que deverão envolver a campanha agrícola de 2015/16 na província da Huíla prevista para abrir oficialmente no decurso do presente mês.

As sementes e os fertilizantes estão assegurados. O director provincial da agricultura, Lutero Campos, aponta mais de 500 toneladas de sementes diversas sobretudo de cereais como o milho e a massambala, mas dos números não é tudo.

“Vamos ter em termos de sementes pouco mais de 500 toneladas vamos ter o adubo composto 2500 toneladas vamos ter 1.250 toneladas de sulfato de amónio 60 toneladas de ureia”, disse

Os receios de fracas chuvas que têm estado por detrás dos últimos anos de seca na região voltam a ensombrar as expectativas de mais uma época agrícola 2015-2016.

Mostrar Comentários

XS
SM
MD
LG