Links de Acesso

Conselho Superior da Juventude reúne-se em Malanje

  • Isaías Soares

Malanje governador Norberto Fernandes dos Santos

Malanje governador Norberto Fernandes dos Santos

Acesso à habitação e apoio às pequenas e médias empresas são alguns dos temas da agenda.

Jovens de vários extractos sociais e responsáveis do Governo das 18 províncias angolanas abordam desde hoje, 9, no Instituto Médio Agrário de Malanje, no sector do Quéssua, questões expressas no Plano Nacional da Juventude para o período 2014/2016 no V Conselho Superior da Juventude.

O acesso à habitação, a implementação dos programas enquadrados no sistema nacional de formação profissional para 2014/2016, integrado de combate à fome e à pobreza, de desenvolvimento da agricultura comercial e de micro-crédito e apoio às pequenas e médias empresas para os jovens fazem parte do encontro que encerra amanhã.

O Governador da província Norberto Fernandes dos Santos, que interveio no referiu no encontro que decorre sob o lema "Juventude, o futuro está nas nossas mãos”, apontou algumas acções de âmbito nacional em curso na província de Malanje.

“Estão a ser criadas condições para nos próximos anos lançarem-se ou relançarem-se alguns projectos de âmbito nacional, nomeadamente o “Crédito Jovem, Centro Operacional de Negócios e o Programa de Kits agrícolas para a juventude”, disse.

À margem da plano nacional, o Governo local desenvolve projectos que concorrem para o apoio social dos jovens da região.

“Está em curso a construção do bairro social da juventude, bem como deverá iniciar a construção da casa da juventude ainda este ano”.

O ministro da Juventude e Desportos Gonçalves Manuela Muadumba reforçou a necessidade da responsabilidade dos jovens na identificação dos problemas que enfrentam, já que estão inseridos em vários sectores da vida social do país.

Gonçalves Muandumba acredita que órgão obterá resultados positivos “com a responsabilidade no que o seu envolvimento em torno da afirmação e valorização da juventude diz respeito”, acrescentando, “que só os jovens, a juventude angolana está em condições de levar a bom porto o seu crescimento enquanto indivíduo nas suas múltiplas dimensões”.

XS
SM
MD
LG