Links de Acesso

Kalupeteca condenado a 28 anos de cadeia

  • Redacção VOA

José Julino Kalupeteca, Tribunal Provincial de Huambo, Angola

José Julino Kalupeteca, Tribunal Provincial de Huambo, Angola

Líder da seita "A Luz do Mundo" foi condenado por homícidio qualificado e auto moral do que a acusação chama de crime do Monte Sume.

O líder da seita "A Luz do Mundo" foi condenado a 28 anos de cadeia, pelo Tribunal Provincial do Huambo, nesta terça-feira, 5 de Abril.

José Julino Kalupeteca foi considerado culpado por homícidio qualificado, autoria moral do massacre no monte Sumi e uso da força contra a autoridade.

Filipe Zacarias e Nunda foram condenados a 16 anos e os demais seguidores também em tribunal levaram a pena de 27 anos.

O advogado de defesa David Mendes disse à VOA que vai recorrer já que a pena máxima em Angola é de 24 anos de prisão.

(Em actualização).

Mostrar Comentários

XS
SM
MD
LG