Links de Acesso

Chineses condenados a indemnizar o Estado angolano por caça ilegal

  • Armando Chicoca

Trabalhadores chineses no Kuando Kubango (VOA / A. Capalandanda)

Trabalhadores chineses no Kuando Kubango (VOA / A. Capalandanda)

A indemnização é de 1500 dólares por danos causados no Parque Nacional do Iona.

O Ministério Publico, na voz da Procuradora-Adjunta Negricia Pipas, deu a entender que os chineses em causa são técnicos ligados a empresas de construção civil com a sede em Luanda.

Eles foram acusados e condenados por prática de caça ilegal no ParqueNacional Iona.

As armas importadas ilegalmente e os respectivos animais e aves abatidas em zona proibida no parque nacional do Iona segundo a sentença proferida pelo Juiz Presidente do Tribunal Provincial do Namibe, Modesto Daniel Gerardes, declaram-se perdidos a favor do Estado angolano.

Foram igualmente punidos com a multa de 150 mil kwanzas, equivalente a 1500 dólares, a favor do Estado angolano.

Mostrar Comentários

XS
SM
MD
LG