Links de Acesso

Centro de hemodiálise a funcionar com sucesso em Malanje

  • Isaías Soares

Pacientes não têm agora que se deslocar para tratamento para outras províncias

O novo Centro de Hemodiálise está a operar com sucesso desde Dezembro no hospital regional de Malanje.


O director clínico da principal unidade hospitalar desta parcela do território nacional Jacob Nlenvo disse que a nova instituição possui recursos humanos qualificados há quatro meses, “com uma médica nefrologista e técnicos de enfermagem especializados na matéria”.

Jacob Nlenvo

Jacob Nlenvo

“Tivemos três pacientes internos e dois ambulatórios, mas devido à evolução positiva não temos agora nenhum paciente que estejam internados, agora também já entraram no ciclo ambulatório”, confirmou.

Centenas de pacientes assistidos no Hospital Regional de Malanje eram encaminhadas para diferentes unidades hospitalares da capital angolana, Luanda, ou de outras províncias que detinham os referidos serviços.

A insuficiência renal, hipertensão arterial, diabetes do tipo 1 e 2, certos casos agudos de malária complicada e pacientes com HIV/SIDA nos estágios 3 e 4 concorrem para o tratamento de hemodiálise.

O médio Jacob Nlenvo, que defendeu a necessidade de cuidados especiais com a dieta alimentar dos pacientes, mostrou-se preocupado com o comportamento de muitos cidadãos que acorrem aos serviços de saúde quando a patologia toma contornos alarmantes.

Para aprimorar o desempenho do centro, o Hospital Regional de Malanje tem realizado sessões de avaliação com o Instituto Nacional do Rim, detentora do Centro Nacional de Hemodiálise.
XS
SM
MD
LG