Links de Acesso

Centenas de veteranos vivem da caridade em Benguela


Processos "encravados" desde 2008.

Por João Marcos, Benguela

Em Benguela, centenas de antigos combatentes vivem da ajuda de instituições de caridade por falta de pensões há mais de cinco anos.

Controlados pela Liga de Veteranos da Guerra de Libertação de Angola, eles fazem parte de um grupo de antigos combatentes da FNLA, Unita e MPLA, que tem os processos no Ministério dos Antigos Combatentes e Veteranos da Pátria desde 2008, enquanto aguardam por políticas tendentes a alterar o sentimento de frustração.

De acordo com o delegado provincial da Liga de Veteranos de Guerra, há quem opte pela agricultura de subsistência, mesmo ciente das limitações inerentes à actividade.

A maior parte dos cerca de 1500 associados não recebe pensões há vários anos. Mesmo os poucos que as auferem dizem que os 20 mil Kwanzas mensais, equivalentes a 200 dólares norte-americanos, são insuficientes para fazer face ao custo de vida.

XS
SM
MD
LG