Links de Acesso

CASA CE critica aumento de combustíveis

  • Manuel José

Partido diz que os pobres são afectados pela decisão de reduzir subsídios

A CASA CE criticou os recentes aumentos nos preços dos combustíveis afirmando que prejudica os mais pobres.

Os preços dos combustíveis aumentaram depois do governo reduzir os subsídios algo que alguns economistas defenderam afirmando que os mesmos podem ser usados noutros sectores da economia beneficiando uma maior ala da população mais pobre.

Mas em conferência de imprensa o presidente interino da CASA-CE Alexandre Sebastião André afirmou que o seu partido repudia a decisão de subida do preço dos combustíveis, descrevendo a medida de “uma decisão precipitada” que afecta “os mais desfavorecidos” que “veio perturbar a tranquilidade das famílias neste período de festas e de transição a um novo ano".

" Esta medida só favorece os mais ricos que consomem maior parte dos combustíveis em grandes geradores em residências, quintas, viaturas de altas cilindradas e não pagam nada por causa da subvenção do estado", disse.

Sebastião André pensa que a actual baixa do preço do petróleo no mercado internacional não justifica uma subida dos combustíveis em Angola .

O dirigente da CASA CE disse que enquanto o prelo do petróleo estava alto “o presidente da republica foi criando tantos fundos à margem do Orçamento Geral do Estado” tendo subsequentemente perdido o controlo desses fundos.

“Milhares de dólares norte americano foram confiscados na Europa apanhados em porta-bagagens de viaturas e a apreensão de volumes de dinheiros em residência de indivíduo ligado ao actual regime no poder bem como a banca rota a que o BESA foi empurrado", disse.

Mostrar Comentários

XS
SM
MD
LG