Links de Acesso

Carta de agente da Mossad diz que Israel treinou Mandela


FILE - Nelson Mandela prepares to shoot a basketball hoop with the Harlem Globetrotters as part of his birthday celebrations, July 4, 1997.

FILE - Nelson Mandela prepares to shoot a basketball hoop with the Harlem Globetrotters as part of his birthday celebrations, July 4, 1997.

O jornal israelita "Ha'aretz" divulgou hoje uma carta de um agente da Mossad, os serviços secretos israelitas, para o Ministério das Relações Exteriores, sobre Nelson Mandela. A ser verdadeiro o teor dessa carta escrita há 51 anos, no dia 11 de Outubro de 1962, Nelson Mandela terá sido "involuntariamente" treinado pelos serviços secretos israelitas, na Etiópia, no manuseamento de armas e técnicas de sabotagem.

A carta agora divulgada fala The Black Pimpernel, pseudónimo de Nelson Mandela, e refere que o líder histórico sul-africano antiapartheid recebeu formação militar na Etiópia por agentes da secreta israelita.

A Fundação Nelson Mandela já desmentiu o teor da carta. Num comunicado, esclarece que não foi localizada "qualquer prova" documental no arquivo pessoal de Nelson Mandela que o relacione com o treino dados pelos serviços secretos israelitas na Etiópia.
XS
SM
MD
LG