Links de Acesso

Cancro da mama lidera lista de doenças cancerígenas em Cabo Verde

  • Eugénio Teixeira

Campanha de prevenção para o cancro da mama em Cabo Verde

Campanha de prevenção para o cancro da mama em Cabo Verde

Marcha assinala necessidade de prevenção do cancro da mama.

O cancro da mama surge em primeiro lugar na lista de doenças cancerígenas em Cabo Verde, seguido do cancro de colo uterino nas mulheres.

Cerca de 40 novos casos da doença são registados anualmente no Hospital Agostinho Neto, na Praia, e 30 no Hospital Baptista de Sousa, em São Vicente, os dois hospitais centrais do arquipélago que possuem serviços de oncologia.

Estes números despertam a preocupação e atenção das autoridades, já que a maioria dos casos chegam às estruturas hospitalares em fase muito avançada, o que torna difícil o tratamento.

Campanha de prevenção para o cancro da mama em Cabo Verde

Campanha de prevenção para o cancro da mama em Cabo Verde

Responsáveis dos serviços de saúde e organizações da sociedade civil estão a sensibilizar as populações, com realce para as mulheres, no sentido de jogarem fortemente no campo da prevenção, fazendo o rastreio através do auto-exame.

Sendo o tratamento das doenças cancerígenas dispendioso, a prevenção do cancro, sobretudo o da mama, constitui o melhor remédio, de acordo com a oncologista Herondina Borges.

A especialista destaca também a necessidade de as mulheres realizarem o exame clínico da mama pelo menos uma vez por ano, devendo ser complementado com uma nomografia.

Neste particular, a especialista destaca a necessidade das autoridades reforçarem as condições dos hospitais, nomeadamente a aquisição de mais aparelhos de mamografia para os hospitais centrais e regionais.

Marcha para a prevenção do cancro da mama em Cabo Verde

Marcha para a prevenção do cancro da mama em Cabo Verde

“Hoje existem aparelhos portáteis, o que pode facilitar a programação de deslocações periódicas às ilhas que não possuem estruturas hospitalares, para se fazer o rastreio do cancro da mama”, realça Herondina Borges.

Em termos de tratamento, o Hospital Agostinho Neto faz cirurgias e quimioterapia, mas a estrutura ainda não realiza radioterapia, cuidados que são prestados em Portugal no âmbito da parceria existente entre os dois países na área da saúde.

Para o representante da OMS em Cabo Verde, não se deve focar a atenção apenas no tratamento, deve-se sim apostar na prevenção.

Mariano Salazar Castellon considera que “a mulher deve estar atenta e preocupar-se com a sua saúde fazendo o auto-exame regular” e destaca a importância do Ministério da Saúde recomendar exames clínicos da mama nas consultas e aumentar o acesso à mamografia no arquipélago.

De realçar a realização de uma marcha este Domingo, 30 de Outubro, na cidade da Praia, evento organizado pela organização “We Believe” .

XS
SM
MD
LG