Links de Acesso

Campanha de educação ajuda a aliviar a seca em Moçambique


Mais de 500 toneladas de produtos alimentares distribuidos no sul e centro do país.

Em Moçambique foi lançada uma campanha de poupança de água, no âmbito da resposta à seca que assola as regiões centro e sul.

Na época agrícola de 2016 e, de acordo com dados oficiais, apenas 10 por cento dos camponeses conseguiram ter resultados satisfatórios.

A iniciativa, apoiada pelo USAID, através do Fundo do Departamento dos Estados Unidos para a Assistência a Desastres no Exterior, disponibiliza mais de 7,5 milhões de dólares para o alívio do impacto da seca.

"Estamos a trabalhar para melhorar as práticas de conservação de água nas comunidades moçambicanas, através de campanhas de educação", disse Kenneth Hassan, da USAID.

Cerca de 102 fontenários foram reabilitados desde março deste ano, em resposta à seca que colocou cerca de 1,5 milhões de pessoas em situação de insegurança alimentar no país.

Adicionalmente, 518 toneladas de produtos alimentares foram distribuídas a cerca de 47 mil pessoas afectadas pela seca nas regiões sul e centro de Moçambique, em 20 dias.

XS
SM
MD
LG