Links de Acesso

Câmara de Deputados do Brasil investiga empréstimos a Angola

  • Redacção VOA

Acordos discutidos entre Lula e JES

Acordos discutidos entre Lula e JES

CPI procura informação sobre empréstimos dados à Odebrecht para investir em Angola.

A Comissão Parlamentar de Inquérito(CPI) criada pela Câmara dos Deputados do Brasil para investigar os empréstimos concedidos a vários países pelo Banco Nacional de Desenvolvimento (BNDES) reúne-se hoje pela primeira vez.

Angola é um dos países onde aquele banco público investiu 3,38 mil milhões de dólares entre de 2007 a 2015.

Os investimentos feitos em Cuba, outro país “amigo” do PT, no poder, também serão investigados.

Os financiamentos do BNDES foram considerados suspeitos pela Operação Lava Jato, da Polícia Federal brasileira.

Segundo as investigações, o banco emprestou entre 2003 e 2014, quase dois mil milhões e meio de reais para nove empresas citadas na operação, todas de gente próxima aos governos dos países beneficiados.

O relator da CPI José Rocha, disse que uma das primeiras acções será ouvir o presidente do BNDES, Luciano Coutinho.

Mas para o vice-líder do PT, Afonso Florence, a instalação da CPI é apenas uma disputa política.

Por sua vez, o deputado Onyx Lorenzoni, do DEM, diz que a partir das investigações da Lava Jato, que mostram possíveis irregularidades, é preciso apurar os empréstimos do BNDES.

Recorde-se que os empréstimos do BNDES foram atribuídos para que os países beneficiados pudessem contratar empresas brasileiras – no caso de Angola, a Odebrecht – para a realização destas obras referidas.

Mostrar Comentários

XS
SM
MD
LG