Links de Acesso

Cabo Verde lança campanha em defesa das tartarugas marinhas

  • Eugénio Teixeira

Em Cabo Verde, a Direcção Nacional do Ambiente lançou em parceria com uma empresa de telecomunicações uma campanha para a preservação das tartarugas marinhas no arquipélago.

O diretor nacional do Ambiente revela que a campanha visa atingir o maior número de pessoas porquanto é fundamental que os cidadãos tenham consciência de que não se deve capturar, como também não comercializar nem consumir a carne da tartaruga.

Para além do papel que os parceiros, nomeadamente a comunicação social devem desempenhar na campanha, Alexandre Rodrigues destaca que cada cidadão é chamado a dar a prestimosa colaboração na perversão das espécies que correm riscos de extinção.

As praias mais importantes da desova das tartarugas são áreas protegidas, precisamente para que se possa ser feito um acompanhamento mais apertado com a presença de técnicos, sendo então melhor vigiadas pelos voluntários das associações ambientalistas e guardas colocados pela Direcção Nacional do Ambiente.

Mas Alexandre Rodrigues entende que o processo de fiscalização deve ser feito de forma mais pedagógica possível.

Quanto aos prevaricadores, a lei prevê a aplicação de coimas, mas as autoridades pensam numa nova legislação.

Neste particular, Rodrigues fala da necessidade de se divulgar as medidas a serem aprovadas junto da sociedade civil, já que o papel de preservação das espécies marinhas cabe a todos.

XS
SM
MD
LG