Links de Acesso

Luta contra a Sida em Cabo Verde tem resultados positivos

  • Eugénio Teixeira

Taxa de prevalência situa-se em um por cento.

A luta contra a Sida em Cabo Verde tem tido resultados positivos e a taxa de prevalência situa-se em um por cento.

Neste momento, segundo dados oficiais, cerca de duas mil pessoas portadoras do vírus estão referenciadas nas estruturas públicas de saúd, e perto de mil e 300 recebem tratamento com anti-retrovirais e outro tipo de apoios.

Contudo, a dinâmica da epidemia centra-se no grupo alvo, os usuários de droga com a taxa de três por cento, os profissionais do sexo, sete por cento, e homens que fazem sexo com homens à volta dso 15 por cento.

A situação tem levantado alguma preocupação, por isso a Comissão de Combate à Sida (CCS-SIDA) pensa reforçar o trabalho educativo junto desses grupos da população, visando reduzir os riscos de contaminação.

Também as grávidas têm merecido uma atenção especial, com a realização de cerca de 10 testes anualmente, de modo a prevenir a transmissão de mãe para filho.

De acordo com o secretário-executivo da Comissão Artur Correia, tem havido bons resultados neste capítulo, por isso está muito esperançado na erradicação da contaminação de mãe para filho nos próximos tempos.

Correia lembra que a despistagem e o tratamento são totalmente gratuitos.

Artur Correia garantiu à VOA que as estruturas de saúde estão preparadas para o atendimento e seguimento.

Ao longo dos anos tem havido uma evolução positiva na luta contra o HIV-SIDA de uma forma geral.

Contudo, Artur Correia mostra-se preocupado com o financiamento do projecto, já que se nota uma redução significativa dos meios financeiros disponibilizados pelos parceiros internacionais.

Durante 15 anos o arquipélago recebeu apoio financeiro do Banco Mundial, passando, a partir de 2008, a ser financiado pelo Fundo Global.

No entant,o os fundos tendem a diminuir, por isso, Artur Correia considera importante o reforço da diplomacia para que o arquipélago possa conseguir dinheiro para prosseguir o trabalho de prevenção e combate ao HIV-SIDA.

XS
SM
MD
LG