Links de Acesso

2016: Cabo Verde em retrospectiva

  • Eugénio Teixeira

Cidade da Praia, Cabo Verde

Cidade da Praia, Cabo Verde

O ano de todas as eleições e de um massacre inusitado.

O ano de 2016 em Cabo Verde fica marcado pelo massacre do destacamento de Monte Tchota, em que o soldado Manuel António Silva Ribeiro, conhecido por Antany, assassinou oito colegas de farda e três civis, dois dos quais cidadãos espanhóis.

Em termos políticos, foi o ano de todas as eleições: legislativas em Março, autárquicas em Setembro e presidenciais em Outubro.

O crime ocorrido no mês de Abril chocou o país e fez manchete em várias partes do mundo.

Antany foi julgado pelo Tribunal Militar e condenado a 35 anos de cadeia, além de ter sido expulso das Forças Armadas.

Durante o julgamento, o réu não pronunciou qualquer palavra e questionado pelo tribunal proferiu: “não tenho nada a declarar em minha defesa, apenas peço desculpas à nação e aos familiares das vítimas.”

Em termos políticos, foi o ano de todas as eleições: legislativas em Março, autárquicas em Setembro e presidenciais em Outubro.

Primeiro-ministro, Ulisses Correia e Silva, e Presidente da República, Jorge Carlos Fonseca, Cabo Verde

Primeiro-ministro, Ulisses Correia e Silva, e Presidente da República, Jorge Carlos Fonseca, Cabo Verde

O Movimento para a Democracia (MpdD) regressa ao poder após ganhar as legislativas com maioria absoluta, relegando PAICV para a oposição após 15 anos na governação do arquipélago.

O MpD voltou a fazer festa nas eleições municipais realizadas no mês de Setembro, ao conquistar 18 câmaras, contra duas independentes e duas do PAICV.

Os ventoínas, que sempre foram o maior partido autárquico, reforçaram o número de autarquias, enquanto o PAICV, o grande derrotado, baixou de oito para duas câmaras municipais.

O ano eleitoral seria culminado a dois de Outubro, com a realização das presidenciais, ganhas pelo cessante Jorge Carlos Fonseca.

Numa eleição marcada por alta taxa da abstenção, cerca de 60 por cento, Fonseca foi reeleito com 75% dos votos, enquanto o candidato Albertino Graça foi o segundo mais votado e Joaquim Monteiro, ficou no terceiro lugar.

Em termos desportivo, o grande destaque vai para o jovem atleta Matchu Monteiro que conquistou o título de campeão mundial de Kite Surf.

No ano em que cabo Verde participou com a maior delegação de sempre nos Jogos Olímpicos Rio-2016, realce para a medalha de bronze conquistada pelo atleta paralímpico, Gracelindo Barbosa.

Ainda em 2016, destaca-se a instalação dos Tribunais de Relação de Santiago em algumas ilhas.

Mostrar Comentários

XS
SM
MD
LG