Links de Acesso

Cabo Verde interdita entrada de estrangeiros não-residentes provenientes do Senegal

  • VOA Português

Baia do Mindelo, São Vicente, Cabo Verde

Baia do Mindelo, São Vicente, Cabo Verde

Governo reforça medidas contra o ébola.

O Governo de Cabo Verde proibiu hoje, 1, a entrada de estrangeiros não residentes no país que tenham estado no Senegal nos últimos 30 dias, como forma de evitar a entrada do vírus do ébola no país, depois de um primeiro caso da doença registado naquele país.

O anúncio foi feito aos jornalistas esta manhã na cidade da Praia pela ministra-adjunta e da Saúde Cristina Fontes Lima.

As restrições anteriormente aplicadas contra cidadãos provenientes da Libéria, Guiné-Conacri, Serra Leoa e Nigéria, estendem-se agora a todos os estrangeiros não residentes em Cabo Verde que tenham estado no Senegal nos últimos 30 dias.

Quanto à manutenção dos voos quase diários entre Cabo Verde e o Senegal, a ministra diz que cabe à companhia nacional, a TACV, tomar as decisões adequadas, mas o Director Nacional da Saúde António Pedro Delgado afirma não haver razões para a suspensão de voos.

O Governo de Cabo Verde reitera no entanto o pedido para os seus cidadãos não viajarem para os países afectados pelo ébola.

XS
SM
MD
LG