Links de Acesso

Antigo autarca da Praia diz que é preciso apostar na economia

  • Eugénio Teixeira

Cidade da Praia, Cabo Verde

Cidade da Praia, Cabo Verde

As sétimas eleições autárquicas no arquipélago cabo-verdiano estão marcadas para 4 de Setembro.

O antigo presidente de Câmara Municipal da Praia, Jacinto Santos, defende a criação de condições efectivas para a gestão dos territórios e a consequente geração da riqueza local.

A abordagem enquadra-se na campanha eleitoral em curso no arquipélago.

Outro aspecto que Santos destaca prende-se com a necessidade dos municípios passarem a fazer uma gestão mais aberta para que haja uma participação activa dos munícipes na vida do seu território.

Para o antigo presidente da Câmara da Praia, é preciso os municípios apostarem na economia, devendo incrementar parcerias fortes com o sector privado nacional e parceiros internacionais.

Apesar de ser o Governo central o principal responsável pela política externa, Santos considera que se deve abrir espaços para que os municípios possam encontrar parceiros fora do país.

De acordo com o ex-autarca, há que se encontrar outros meios de financiamento, já que apenas o fundo transferido pelo Governo central não chega para todas as necessidades de funcionamento e investimentos dos municípios.

Santos considera que o reforço da democracia participativa constitui a pedra basilar para a gestão dos municípios, já que os munícipes teriam um papel mais interventivo na vida do seu concelho e localidade de residência.

No capítulo de descentralização, Santos defende numa primeira fase a divisão dos municípios em zonas administrativas, mas realça que é preciso alocar meios humanos e outros para que se possa atender às preocupações dos munícipes.

As sétimas eleições autárquicas no arquipélago cabo-verdiano estão marcadas para 4 de Setembro.

XS
SM
MD
LG