Links de Acesso

Bloco Democrático relança-se na Huíla

  • Teodoro Albano

Segunda maior praça eleitoral vista como essencial em futuras eleições

O Bloco Democrático BD quer fazer da Huíla a sua segunda maior praça eleitoral depois de Luanda.

Para atingir este desiderato um trabalho de revitalização das bases do partido começou a ser feito no primeiro trimestre de 2014.

O activista provincial para a organização do BD, Maurício Kalianguila, assegura que os indicadores de crescimento até aqui são positivos.

“Pelos números que já temos agora na Huíla, já que há pouco tempo que estamos a revitalizar o partido, já é um bom indicador,” disse.

"Depois de Luanda nesta altura nós pensamos que Huíla seja a nossa segunda praça eleitoral”, acrescentou.

Naquela que é tida como a segunda maior praça eleitoral do país, o Bloco Democrático assume ambições para as autarquias, processo que segundo Maurício Kalianguila, está a ser conduzido debaixo de uma nuvem de incertezas.

Apesar das dúvidas em torno das autarquias locais, o activista do BD, fala da preparação do partido para o desafio.

“Eu acredito que tarde ou cedo terão que acontecer porque estão escritas na Constituição da República, quer ou não, elas terão de ser realizadas”, disse.

“É por isso que nós já estamos agora a fazer expansão pelos municípios e a ambição é que quando chegar a altura já estamos lá para tentarmos ou não nas autárquicas”, acrescentou.

O trabalho inicial de revitalização junto das bases permitiu já ao Bloco Democrático instalar-se em seis dos catorze municípios da província. A previsão é atingir a extensão que compreende a região em pouco tempo.
XS
SM
MD
LG