Links de Acesso

Barragem de Laúca, em Malanje, vai produzir electricidade em 2017

  • Isaías Soares

 Baragem de Laúca, Malanje,

Baragem de Laúca, Malanje,

A primeira fase de produção de electricidade do projecto de Aproveitamento Hidroeléctrico de Laúca (AHL), localizada no município de Cacuso, província de Malanje, deverá ocorrer no primeiro semestre do próximo ano.

A revelação foi feita pelo director do projecto Elias Estevão que disse que o projecto está dividido em quatro partes.

Director do projecto de Laúca, Elias Estevão

Director do projecto de Laúca, Elias Estevão

“Neste preciso momento estamos com 70 por cento de execução das obras”, disse Estevão, revelando que dois mil milhões de do dólares americanos já foram consumidos na construção do projecto avaliado em cinco mil milhões.

A barragem está projectada para produzir 2.070 megawatts de electricidade, repartidos por seis turbinas de 334 megawatts cada, em duas centrais.

A central principal vai gerar 2.004 megawatts, enquanto a ecológica com capacidade para gerar 67 megawatts deve entrar em funcionamento em 2018.

Com a conclusão do Aproveitamento Hidroeléctrico de Laúca, ampliação da segunda central de Cambambe e a entrada da central do ciclo combinado do Soyo mais de 20 milhões de lâmpadas de 100 watts estarão acesas do centro e sul de Angola.

“A nossa meta é atingir 5 mil megawatts de produção de energia”, concluiu o director do projecto Elias Estevão.

XS
SM
MD
LG