Links de Acesso

Banco Mundial alerta para excessiva cobertura mediática sobre órfãos do Ébola


Crianças da Serra Leoa, sobreviventes do ébola

Crianças da Serra Leoa, sobreviventes do ébola

O Banco Mundial alertou hoje, 24, para o perigo de concentração da cobertura mediática sobre os órfãos do ébola em detrimento de outras crianças desprotegidas que são a maioria no continente africano.

Num artigo publicado na página do Banco Mundial, o economista sénior do Banco Mundial para África David Evans e a pesquisadora Anna Popova chamam a atenção para o facto de grande parte da cobertura mediática sobre as crianças ter sido focada em órfãos.

"Apesar da atenção necessária às crianças órfãs, não vamos esquecer os outros 8,8 milhões de crianças com menos de 15 anos na Guiné-Conacri, Libéria e Serra Leoa, onde se registaram casos graves da doença, desde que o vírus foi identificado na África central em 1976. Aqueles especialistas do Banco Mundial lembraram, no entanto, que 16.600 crianças menores de 18 anos perderam um progenitor ou um protector principal.

XS
SM
MD
LG