Links de Acesso

Autoridades investigam incêndio em barragem que fornece água a Maputo

  • Francisco Júnior

Maputo com fornecimento de água limitado

Curto circuito pode estar na origem do incêndio na Barragem dos Pequenos Libombos

Um incêndio na barragem que fornece água à região da Grande Maputo, a capital de Moçambique, na noite de quinta-feira, foi controlado duas horas depois, mas os prejuízos continuam por apurar.

Delario Sengo, chefe do Departamento Técnico da Administração Regional de Águas do Sul, Ara-Sul, diz haver suspeitas de que tenha havido um curto-circuito.

Delario Sengo, chefe do Departamento Técnico da Administração Regional de Águas do Sul, Ara-Sul, Moçambique
Delario Sengo, chefe do Departamento Técnico da Administração Regional de Águas do Sul, Ara-Sul, Moçambique

Construída numa área situada a cerca de 40 quilómetros de Maputo, a Barragem dos Pequenos Libombos tem como principal função fornecer água à região do Grande Maputo, que inclui os Municípios de Boane e Matola.

A capacidade de armazenamento da Barragem dos Pequenos Libombos é de 400 milhões de metros cúbicos.

Todavia, por causa da situação de seca prolongada que também afecta outros países da região Austral Africana, a barragem só tem, neste momento, cerca de 70 milhões de metros cúbicos de água armazenada, ou seja, aproximadamente 18 por cento da capacidade de armazenamento.

Refira-se que devido a esse défice de água, as autoridades diminuíram o fornecimento de água na região do Grande Maputo.

XS
SM
MD
LG