Links de Acesso

Autoridades e familiares não confirmam morte de Kamulingue e Cassule


Kamulingue e Cassule

Kamulingue e Cassule

A notícia avançada pelo Club-K no seu portal sobre a morte dos activistas Kamulingue e Cassule, desaparecidos desde 27 e 29 de Maio, respectivamente, não tem confirmação oficial.


A Voz da América falou com Eugénio Alexandre, Director Nacional de Investigação Criminal, que nos remeteu ao porta-voz da Polícia Nacional Aristófanes dos Santos.

Por sua vez, Aristófanes dos Santos, sem gravar entrevista, não desmentiu nem confirmou a informação publicada pelo site, tendo adiantando que apenas poderá se pronunciar após uma reunião esta tarde com as entidades de direito,

Ontem, Noémia da Silva, mãe de alves Kamolingue, disse que os familiares estão há um ano e seis meses sem qualquer informação das autoridades angolanas que lhes tinham garantido explicações.

As duas famílias não têm ainda qualquer confirmação da notícia posta a circular pelo site club-k de que as autoridades angolanas já terão informado o Presidente José Eduardo dos Santos do responsável pelo rapto e subsequente assassinato dos activistas Alves Kamulingue e Isaías Cassule por parte da Delegação de Luanda da Director Nacional de Investigação Criminal.

Contactados hoje, os responsáveis do club-k escusaram-se de comentar a notícia.
XS
SM
MD
LG