Links de Acesso

Autoridades cabo-verdianas detêm dois acusados de terrorismo provenientes de Dakar

  • Redacção VOA

Tribunal legalizou as detenções

Eram seguidos pelas autoridades americanas desde o Senegal

A Polícia Judiciária de Cabo Verde (PJ), com a ajuda de autoridades americanas, deteve no domingo, 26, dois indivíduos suspeitos de ligações ao terrorismo que chegaram ao arquipélago proveniente de Dakar, Senegal.

Os dois indivíduos, presentes ao tribunal no mesmo dia, estão detidos na cadeia central da Praia e devem ser extraditados para os Estados Unidos.

A Rádio de Cabo Verde (RCV), que cita fontes policiais, revelou que os dois indivíduos são suspeitos de tráfico de armas e droga para financiamento do terrorismo e chegaram a Cabo Verde provenientes do Senegal, onde estariam há algum tempo a ser vigiados pelas autoridades policiais dos Estados Unidos.

Eles foram presos à chegada à capital cabo-verdiana num voo da companhia aérea cabo-verdiana, TACV.

Não há informações confirmadas sobre a identidade dos dois detidos, mas enquanto a RCV revela que são um paquistanês e um iraniano, o jornal Expresso das Ilhas, que cita um inspector da PJ, diz que ambos são iranianos.

O jornal adianta ainda que eles tinham reservado quartos num hotel da capital cabo-verdiana, o que indicia que não pretendiam fazer escala em Cabo Verde, mas permanecer no arqipélago.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG