Links de Acesso

Autoridades admitem casos de febre amarela no Lubango

  • Teodoro Albano

Angola Lubango

Angola Lubango

Huíla implementa plano de combate a doença na província.

As autoridades sanitárias do município do Lubango admitiram pela primeira vez a ocorrência de dois óbitos por febre amarela em 10 casos suspeitos na capital da província da Huíla.

Neste momento intensificam-se as campanhas de prevenção contra a doença, sobretudo na identificação de possíveis suspeitos e mobilização da sociedade para as medidas que dificultam a proliferação de mosquitos.

“Se nós trabalharmos fortemente para a diminuição da população de mosquitos que é aquilo que nós estamos a fazer não teremos muitos problemas com relação a isso e depois então é só adicionar as outras medidas cautelares", disse a directora municipal de saúde na capital da Huíla, Judith Rocheta, reconhecendo que "esses casos têm sinais e sintomas compatíveis com a febre amarela.

Os casos de febre-amarela no Lubango são apresentados numa altura em que foi lançado um plano de combate a doença na província da Huíla.

O plano contempla um conjunto de medidas e pondera avançar para uma vacinação massiva em toda a extensão da província.

XS
SM
MD
LG