Links de Acesso

Aumento do preço do pão causa apreensão no Namibe


Produtores culpam aumento dos combustíveis

No Namibe o aumento do preço do pão está a causar apreensão pois muitas famílias mais pobres não podem agora comprar esse alimento básico.

Os produtores culpam o aumento do pão no aumento dos preços dos combustíveis que são por si o resultado da redução dos subsídios aos mesmos.

O litro de gasóleo passou a custar 60 Kzs e gasolina 90 Kzs, contra 40 e 60 kwanzas do preço anterior.

Jovens disseram à Voz da América que o aumento de preço de 12 para 15 kwanzas do pão, exclui várias e acautelaram as instituições do Estado para um tratamento mais criterioso, se possível concedendo subvenção às indústrias panificadoras, já que com este preço, muitas famílias não poderão comprar pão.

“Imaginem uma família numerosa de 12 pessoas e em extrema pobreza como poderá sobreviver com esta situação?”, questionou Amadeu Júnior, estudante universitário da Gregório Semedo.

“Gostaríamos que o governo ouvisse esta reportagem, porque a situação é preocupante, não podemos permitir que as famílias deixem de comer pão, é urgente a correcção deste preço”, defende Francisco Mateus, jovem estudante do PUNIV.

As autoridades governamentais contactadas pela Voz de América negaram-se a prestar qualquer informação em relação ao caso em debate.

O representante local da UNITA culpa a situação nos erros do governo.

XS
SM
MD
LG