Links de Acesso

Aumenta número de advogados no sul de Angola

  • Teodoro Albano

Mais advogados mais justiça, diz Ordem dos avdgoados

Mais advogados mais justiça, diz Ordem dos avdgoados

Ordem diz que isso vai beneficiar os cidadãos que procuram justiça


Cresce o número de advogados nas províncias da Huíla, Namibe e Cunene, apesar de esse crescimento ser de longe desigual para cada província.




Vinte e três advogados entre os quais treze estagiários acabam de ser lançados no mercado de trabalho com a atribuição pelo conselho interprovincial da ordem dos advogados do sul de Angola de cédulas profissionais.

A região conta agora com um total de vinte e sete advogados. Ainda assim, a Huíla é a província que mais concentra causídicos com um total de vinte seguindo-se o Namibe com seis e Cunene com apenas um advogado cadastrado pela ordem da classe.

Marilene Freitas uma das mais recentes advogadas lançadas no mercado de trabalho, espera no âmbito da lei da assistência judiciária contribuir para as pessoas carenciadas.

“ Logo essas pessoas serão alvo dessa ajuda que a própria ordem em si está a criar e isso também em cumprimento da própria lei de assistência judiciária, se bem que essa lei não está convenientemente regulamentada, mas em parte já está a ser implementada pela ordem,” disse.

A presidente do conselho interprovincial da ordem dos advogados do sul de Angola, Idalinda Rodrigues, sabe que os números estão longe de atender a demanda, mas acredita num futuro melhor.

“ Nós temos que pensar para o futuro e a província da Huíla vai ter um tribunal da relação com o tribunal da relação mais trabalho vai aparecer. Quanto maior o número de advogados de escritórios conseguirem as províncias melhor para o cidadão melhor para a justiça,” acrecentou

A fuga de quadros para os grandes e melhores mercados do país como Luanda é desvalorizada por Idalinda Rodrigues que acredita na manutenção dos agora advogados na região.

“ Neste momento a vida nestas províncias é diferente de há dez anos atrás e penso que isto vai permitir que eles fiquem, abram seus escritórios e desenvolvam o seu trabalho aqui mesmo na província,” disse.
XS
SM
MD
LG