Links de Acesso

Aumenta crime juvenil em Malanje

  • Isaías Soares

Crianças com menos de 15 anos envolvidas em crimes

O envolvimento de adolescentes em actos criminais está a aumentar na província de Malanje, confirmou a presidente da Rede de Mulheres Policiais, inspectora-chefe.

Rosa José Manuel revelou que os níveis de delinquência são altos nos estabelecimentos de ensino.

De Janeiro de 2016 a Março, deste ano o Serviço de Investigação Criminal (SIC) registou a participação de crianças dos seis aos 15 anos de idade em 36 casos de criminalidade e dos 16 aos 21 anos em 88 ocorrências.

“Comportamentos como estes não são bons para um estudante”, referiu Rosa José Manuel numa palestra sobre a delinquência juvenil com alunos da escola do II ciclo do ensino secundário Nossa Senhora de Fátima da Igreja Católica.

No dia 16, um adolescente de 14 anos de idade assassinou com uma faca um adulto de 29 anos, cuja identidade não foi revelada, por desentendimento num jogo ilegal.

O psicólogo clínico, Veloso Dala diz que nesta fase do desenvolvimento humano a concentração cerica-hormonal é ligeiramente adiantada e os agentes têm a tendência de adaptação psicológica à nova dimensão que o corpo tem.

Dala considera que os adolescentes confrontam-se com comportamentos rebeldes próprios da idade.

“Se por um lado estamos a olhar por esta adaptação (normal), própria do processo porque o crescimento não depende de factores externos, por outro lado, temos os padrões educacionais, a forma como os pais lidam com os comportamentos adolescentes”, referiu Dala.

O especialista justificou a sua tese dizendo que “o processo de socialização tem estado a pecar um pouco da forma como os agentes sociais tendem a inculcar valores socialmente aceites aos adolescentes e crianças", cujos resultados não são tão rápidos como os esperados.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG