Links de Acesso

Autor de atentado morto pela polícia belga era argelino e estava ilegal no país

  • Redacção VOA

Distrito de Forest, Bélgica

Distrito de Forest, Bélgica

O Ministério Público belga confirmou esta quarta-feira, 16, que duas pessoas foram detidas na sequência da operação policial levada a cabo na terça-feira em Forest.

Em conferência de imprensa, os responsáveis belgas acrescentaram ainda que quando os agentes da autoridade entraram na habitação na rua du Dries, dois homens abriram fogo sobre os polícias. Seis ficaram feridos, embora de forma ligeira.

O suspeito morto na sequência da acção policial de ontem foi identificado como Belcaïd Mohammed, nasceu a 9 de julho de 1980 e era de nacionalidade argelina.

Ele se encontrava ilegalmente na Bélgica e não era conhecido das autoridades.

No interior do apartamento onde estava o suspeito foi encontrada uma kalashnikov, um livro sobre o salafismo e uma bandeira do Estado Islâmico.

Há ainda notícia de dois suspeitos que estão em fuga.

XS
SM
MD
LG