Links de Acesso

Cientistas africanas homenageadas

  • Paulo Faria

Cientistas africanas homenageadas

Cientistas africanas homenageadas

Varias destacadas mulheres cientistas de Africa foram honradas numa cerimonia que assinalau a fundacao de uma nova Universidade Pan Africana que vai estar presente em cinco paises.

Varias destacadas mulheres cientistas de Africa foram honradas numa cerimonia que assinalou a fundacao de uma nova Universidade Pan Africana que vai estar presente em cinco paises.

Os Premios de Ciencia Kwame Nkrumah de 2011 foram para sete mulheres pelas suas extraordinarias realizacoes e valiosas descobertas cientificas.

Etheresia Pretorius, da Africa do Sul, venceu o premio pelas suas investigacoes em microscopio electronico de inflamacoes no corpo humano. Ela classifica a microscopia como um campo aberto porque e uma tecnica antiga, muitas vezes minimizada por cientistas que olham para algo mais excitante para investigar:

“Eu tento usar as tecnicas de microscopia para encontrar algo novo, algo que possa ser usado como um instrumento de pesquisa, um barato instrumento de pesquisa para detectar doencas muito antes de serem visiveis no ser humano.”

Etheresia Pretorius disse a VOA que tenciona usar grande parte do seu premio monetario para dar a orfas na sua cidade natal, Pretoria, a possibilidade de explorarem possiveis carreiras nas areas das ciencias.

Entre as outras vencedores incluem-se Rose Gan Fomban Leke, dos Camaroes, pelas suas investigacoes sobre a prevencao da malaria e outras infeccoes de parasitas, e Ebtehal El-Demerdash, do Egipto, pelas suas investigacoes sobre modernos medicamentos utilizados para tratar formas de cancro mais resistentes a quimoterapia.

Dosso Mireille Carmen, da Costa do Marfim, foi escolhida pelos seus estudos sobre vigilancia epidemiologica de doencas infecciosas. Kakou Yao Rita, tambem da Costa do Marfim, venceu o premio pelas suas contribuicoes para o entendimento da espectroscopia infravermelha e cristalografia.

Maureen Coetzee, da Africa do Sul, uma entomologista de renome mundial, foi reconhecida pelas suas investigacoes sobre a malaria, incluindo a resistencia a insecticidas e novas formas de controlar aquela doenca tropical. Nermin El Semary, do Egipto, foi nomeada pelas suas investigacoes sobre aspectos biotecnicos de micro algas.

Os premios foram entregues durante uma cerimonia que estabeleceu uma nova Universidade Pan Africana, que tera cinco campus, cada um especializado numa area especifica da ciencia.

Um colegio dedicado a ciencia espacial ficara na Africa do Sul, um de ciencias da agua e energia na Argelia, e uma instituicao para o estudo de ciencias basicas, tecnologia e inovacao ficara albergado na Universidade Jomo Kenyatta, no Quenia.

A Universidade de Ibadan, na Nigeria, vai ficar com uma faculdade para as ciencias da vida e da terra, e a Universidade de Yaounde, nos Camaroes, tera a faculdade para a governacao, humanidades e ciencias sociais.

A Uniao Europeia esta a financiar uma grande parte do projecto da Universidade Pan Africana. A ideia adjacente ao financiamento e a de criar um ambiente europeu onde universidades africanas atraiam estudantes de todo o continente.

XS
SM
MD
LG