Links de Acesso

Deputado britanico acusa Kabila de corrupto

  • Paulo Faria

Deputado britanico acusa Kabila de corrupto

Deputado britanico acusa Kabila de corrupto

Um deputado do parlamento britanico acusou o presidente Joseph Kabila de estar a vender o minerio da Republica Democratica do Congo a companhias ficticias com uma perda superior a cinco mil milhoes de dolares. O presidente Kabila respondeu que esta a trazer investidores ao pais para ajudar a criar mais postos de trabalho.

Um deputado do parlamento britanico acusou o presidente Joseph Kabila de estar a vender o minerio da Republica Democratica do Congo a companhias ficticias com uma perda superior a cinco mil milhoes de dolares. O presidente Kabila respondeu que esta a trazer investidores ao pais para ajudar a criar mais postos de trabalho.

O deputado escoces Eric Joyce disse que o governo do presidente Kabila esta a conceder contratos minerais avaliados em bilioes de dolares a companhias multinacionais ficticias, muitas das quais estao registadas nas Ilhas Virgens Britanicas, nas Caraibas, e não tem experiencia em mineracao.

O deputado quer que o Gabinete de Graves Fraudes Britanico investigue os pouco conhecidos proprietarios dessas empresas “offshore” e as suas revendas de minerios congoleses com enormes lucros porque disse adquiriram os direitos a precos abaixo do mercado – totalizando perdas de mais de cinco mil milhoes de dolares ao tesouro do Congo.

Eric Joyce preside a comissao do parlamento britanico para a regiao dos Grandes Lagos e afirmou que os acordos mineiros são o que chamou de um “alarmante padrao de corrupcao” na Republica Democratica do Congo.

O presidente Kabila disse haver corrupcao em todos os paises e que o seu governo esta a melhorar a transparencia na area mineira:

“Temos tido uma serie de assuntos sobre o que chamamos de transparencia no sector mineiro. Temos trabalhado nisso. Estamos determinados a seguir em frente e não são estas noticias que nos vao desencrajar.”

Quanto as alegacoes especificas apresentadas por Joyce perante o parlamento britanico, Kabila disse a jornalistas em Kinshasa que não tempo para responder as acusacoes de pessoas que não sabem o que se passa em Africa:

“Bem, nao vou responder ao deputado britanico. Não sei se o deputado britanico em questao esteve alguma vez no Nongo. E muito interessante ver acusacoes vindas de Londres e Washington de pessoas que nunca puseram pe no Congo, nem mesmo no continente africano.”

O presidente Kabila disse que o seu empenhamento numa boa governacao significa beneficiar o povo congoles e não a agradar a politicos estrangeiros.

Como prova, o presidente Kabila afirmou que o acordo mineiro de nove mil milhoes de dolares com um consorcio de firmas estatais chinesas foi apenas assinado depois de ter sido debatido e aprovado pelo parlamento congoles.

A riqueza mineral do Congo Democratico esta estimada em mais de 24 trilioes de dolares, ainda que o pais esteja em ultimo lugar no Index de Desenvolvimento Humano das Nacoes Unidas que compreende 187 paises e territorios.

XS
SM
MD
LG