Links de Acesso

Sudão: Referendo pode criar um novo país africano


Sudão: Referendo pode criar um novo país africano

Sudão: Referendo pode criar um novo país africano

Estado de conflito latente levou os países da região à Adis Abeba

Washington, 24 Nov - No próximo dia 9 de Janeiro, vai ter lugar um referendo em que os eleitores sudaneses deverão votar pela unidade do Norte e do Sul, ou senão pela separação.

Depois de mais de vinte anos de guerra civil a oportunidade está assim lançada, mas persistem várias dúvidas sobre a realização desse escrutínio.

O referendo tem assim um duplo sentido, por um lado pode reforçar a unidade sudanesa, como pode conduzir ao surgimento de um novo estado africano, e neste caso com consequências desde já previstas, sendo o enfraquecimento do Sudão do Norte que tem vivido das riquezas do sul, como uma delas.

Ontem ao nível regional os países da Liga Árabe estiveram reunidos em Adis Abeba na Etiópia para debater a situação no Sudão, onde pairam dúvidas sobre o referendo e onde também a população particularmente do Sul vive sob o espectro do reacender da guerra civil.

António Monteiro é diplomata português e membro do painel do secretário-geral das Nações Unidas para o Sudão, e fala da importancia das iniciativas políticas internacionais em curso a favor do Sudão.

Oiça a entrevista em Mp3...

XS
SM
MD
LG