Links de Acesso

Bornito de Sousa: Quem não actualizar dados também pode votar


Bornito de Sousa: Quem não actualizar dados também pode votar

Bornito de Sousa: Quem não actualizar dados também pode votar

O ministro angolano da Administração do Território, disse que o que está a ser exigido é a actualização de elementos pessoais para serem inseridos na base de dados já existente e não se trata de um novo recenseamento.

O ministro da Administração do Território esclareceu em Luanda que os cidadãos que não actualizarem os seus dados eleitorais não serão impedidos de votar. Durante um encontro com jornalistas, Bornito de Sousa, disse que o que está a ser exigido é a actualização de elementos pessoais para serem inseridos na base de dados já existente e não se trata de um novo recenseamento.

“Não é um novo registo porque os dados estão lá” , explicou.

Segundo Bornito de Sousa esta reconfirmarão de dados visam apenas a organização dos cadernos eleitorais.

O ministro, Bornito de Sousa, confirmou a entrada de uma segunda fase do cadastramento, no período compreendido entre Janeiro e Abril de 2012, e admitiu que as eleições gerais poderão ter lugar entre finais do mês de Agosto e princípio de Setembro de 2012.

O governante rebateu a questão da organização da logística eleitoral, pela instituição que dirige , e admitiu que muitas tarefas poderão passar para a responsabilidade da CNE se este for o entendimento dos deputados que estão a debater o pacote legislativo correspondente.

“As tarefas são feitas de acordo com a Lei no momento em que se executam. Se, no quadro das discussões que estão ser feitas à nível do pacote eleitoral, isso for alterado, essa alteração também será feita”, disse.

Segundo o último balanço feito pelo ministro, Bornito de Sousa, estão neste momento estão registados mais de 300 mil novos eleitores e a actualizados os dados de cerca de 50 por cento dos antigos eleitores.

XS
SM
MD
LG