Links de Acesso

Dilma Roussef inicia visita de 24 horas a Moçambique

  • William Mapote

Dilma Roussef inicia visita de 24 horas a Moçambique

Dilma Roussef inicia visita de 24 horas a Moçambique

A presidente do Brasil, Dilma Roussef chegou no final desta tarde a Maputo para uma visita de Estado de um dia a Moçambique. A visita de Dilma Roussef enquadra-se na nova estratégia do Brasil, que coloca as relações com a África, sobretudo ao nível político e económico, no centro das prioridades da sua política externa, iniciada pelo governo de Lula da Silva.

A presidente do Brasil, Dilma Roussef chegou no final desta tarde a Maputo para uma visita de Estado de um dia a Moçambique.

A visita de Dilma Roussef enquadra-se na nova estratégia do Brasil, que coloca as relações com a África, sobretudo ao nível político e económico, no centro das prioridades da sua política externa, iniciada pelo governo de Lula da Silva.

A delegação brasileira integra, para além da presidente, os ministros das Relações Externas, do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, e a ministra-chefe da Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial.

Segundo fontes da diplomacia brasileira, a visita culminará com a assinatura de alguns acordos de cooperação técnica, um dos quais, no sector agrícola.

Para a diplomacia brasileira, a inclusão de Moçambique nesta que é a primeira viagem da actual estadista à África simboliza a importância das relações bilaterais.

Dados oficiais indicam que Moçambique é hoje o maior beneficiário da cooperação brasileira em África com mais de uma dezena de projectos, que segundo projecções deverão absorver cerca de 70 milhões de dólares até 2013.

De entre os projectos que marcam os investimentos de Brasília em Moçambique, destaques vão para os sectores da educação, agricultura, formação profissional, a exploração mineral e energia e o sector da saúde, onde se destaca a construção de uma fábrica de anti-retrovirais, a ser inaugurada no próximo ano.

A agenda de Dilma Rousseff inclui a participação na cerimónia dos 25 anos da morte de Samora Machel, o primeiro presidente de Moçambique independente e um encontro com os empresários brasileiros em Moçambique.

XS
SM
MD
LG