Links de Acesso

Guiné-Bissau: Liga dos Direitos Humanos Quer Libertação de Induta e Outros


Guiné-Bissau: Liga dos Direitos Humanos Quer Libertação de Induta e Outros

Guiné-Bissau: Liga dos Direitos Humanos Quer Libertação de Induta e Outros

Liga diz que num estado de direito a lei é que impera e que todos devem ser responsabilizados perante a lei

Na Guiné- Bissau o contra almirante Zamora Induta continua detido apesar de um tribunal ter dito não haver razões para a sua preisão. A agencia de noticias portuguesa Lusa citou uma fonte militar como tendo dito que o Induta continua preso por não estarem reunidas as condições de segurança para a sua libertação.
A fonte disse que é intenção das autoridades militares libertarem Induta e todos os militares detidos nos últimos tempos, incluindo os acusados do alegado envolvimento nos casos de 1 e 2 de Março em que foram assassinados o presidente Nino Vieira e o então chefe de estado maior general das forças armdas Tagmé Na Waire.
Hoje a Liga dos Direitos Humanos da Guiné-Bissau insurgiu se contra as detenções sem culpa formada e como exemplo citou a continua detenção do Zamora Induta. A liga disse que um estado de direito é aquele onde reina o império da lei e que as pessoas e instituições são responsabilizadas perante a lei. A liga quer que o poder político efectue reformas no sector de segurança e tome medidas para a vinda de uma missão de estabilização. Ouça a reportagem do Lassana Cassamá

XS
SM
MD
LG