Links de Acesso

PP faz queixa contra José Eduardo dos Santos por pecularto

  • Paulo Faria

José Eduardo dos Santos com o secretário-geral da ONU, Ban Ki-Moon

José Eduardo dos Santos com o secretário-geral da ONU, Ban Ki-Moon

Advogado David Mendes apresentou queixa na Procuradoria Geral da República contra Eduardo dos Santos por alegado crime de peculato.

O Partido Popular, do advogado David Mendes, formalizou junto da Procuradoria Geral da República uma queixa contra Eduardo dos Santos por alegado crime de peculato.

“Há indício bastante, de terem, os queixados, em concertação criminosa, cometido crimes de peculato puníveis nos termos do Código Penal” diz o Partido Popular citando três outras figuras implicadas, nomeadamente Elísio de Figueiredo, Pierre Falcone e Manuel Vicente que conseguiram segundo um documento a que a VOA teve acesso, usando artifícios, retirar dos cofres do Estado Angolano avultados montantes financeiros.

Diz a nota que a partir da conta da Sonangol, foram feitas transferências para três bancos, nomeadamente CITIBANK, BANQUE DE GESTION, EDMOND DE ROTHSCHILD)

Destaque ainda para uma das transferências feitas para a conta do Banco Internationale no Luxemburgo, conta duma empresa chamada Camparal Inc. que pertence ao presidente angolano.

O PP diz estar em posse de documentos que pode juntar aos autos, dando conta dum dos depósitos efectuados de mais de 37 milhões de dólares americanos.

O Partido Popular apresenta-se como parte ofendida enquanto organização angolana que tem personalidade jurídica, pelo que pediu a abertura dum processo-crime.

Não houve reacção oficial alguma das entidades.

XS
SM
MD
LG