Links de Acesso

Americanos Querem Governos Estaduais Mais Eficazes

  • Eduardo Ferro

Americanos Querem Governos Estaduais Mais Eficazes

Americanos Querem Governos Estaduais Mais Eficazes

Aqui nos Estados Unidos, grande parte dos 50 estados têm vindo a tentar reduzir os seus deficits reduzindo os serviços públicos, aumentando os impostos ou contraindo empréstimos.

Aqui nos Estados Unidos, grande parte dos 50 estados têm vindo a tentar reduzir os seus deficits reduzindo os serviços públicos, aumentando os impostos ou contraindo empréstimos. Segundo um estudo recentemente, abrangendo 5 importantes estados, publicado os americanos querem urgentemente governos estaduais mais sóbrios e mais eficientes.
Depois da pior recessão dos últimos 70 anos e de quedas abruptas na colecta de impostos, os governos estaduais estão a tentar equilibrar os seus orçamentos. Na Califórnia, por exemplo, os legisladores estão a tentar arranjar maneiras de acabar com um deficit de 19 mil milhões de dólares.
No ano passado numa medida destinada a reduzir as despesas, o governador Arnold Schwarzenegger obrigou os funcionários públicos a tirarem 3 dias por mês de licença sem vencimento, e, apesar da contestação dos sindicatos os tribunais decidiram que a medida era legal.
A Califórnia foi um dos 5 estados abrangidos pelo estudo juntamente com o Arizona, Florida, Illinois e Nova Iorque. Os residentes de cada um daqueles estados deparam-se com problemas semelhantes envolvendo desemprego elevado, um mercado imobiliário deprimido e uma quebra na colecta de impostos.
Susan Urahn do Pew Center afirma que os pesquisadores se depararam com respostas semelhantes nos vários estados acerca das expectativas do público. Segundo ela 4 em cada 5 inquiridos querem um governo mais pequeno e estão preocupados com o desperdício e má gestão dos recursos.
“ A verdadeira questão, afirmou ela, não é a da dimensão do governo mas sim de que modo os líderes estaduais podem demonstrar que estão a reduzir o desperdício, a tornar os seus governos mais eficazes e a maximizar os rendimentos dos impostos.”
O estudo demonstra também que os cortes nas despesas são a medida mais popular para equilibrar os orçamentos. Contudo uma maioria dos inquiridos afirma que está disposta a pagar mais impostos para preservar as escolas primárias e secundárias assim como os serviços de saúde.
Por fim o estudo conclui igualmente que os americanos não vêem com bons olhos a contracção de mais empréstimos e a consequente passagem da dívida às gerações futuras.

XS
SM
MD
LG