Links de Acesso

Moçambique quer pôr travão às mortes nas estradas


Moçambique quer pôr travão às mortes nas estradas

Moçambique quer pôr travão às mortes nas estradas

Reforçadas as medidas de prevenção dos acidentes de viação

Para travar a onda crescente dos acidentes de viação, a Policia da Republica de Moçambique em coordenação com o Instituto de viação, Administração Nacional de Estradas e grupos de Sociedade Civil virada para as questões de segurança rodoviária, lançou a 29ª Jornada Nacional de trânsito.

Foram já reforçadas, em Moçambique, as medidas de prevenção de acidentes de viação, estando a polícia de trânsito a promover igualmente acções de reflexão sobre as consequenciais que resultam de um comportamento incorrecto e negligente por parte dos utentes das estradas.

Estima-se que de Janeiro a Agosto passado, 1.179 pessoas tenham perdido a vida em Moçambique em 2.350 acidentes de viação registados. Estes dados representam uma redução quer no numero assim como de vitimas por acidentes de viação.

Mas a polícia diz estar preocupado, porque segundo palavras do Vice-comandante Geral, Jaime Basílio,a meta é assegurar que ninguém perde a vida por acidentes de viação.

A 29ª Jornada Nacional de Transito, decorre sob lema, “Mais de 1000 pessoas morrem anualmente por acidentes de viação, cumpra as regras de trânsito”.

O Presidente da Associação dos Transportadores Rodoviários de Nampula, Luís Vasconcelos intervindo na ocasião, reconheceu a gravidades dos acidentes de viação, por isso prometeu a colaboração para o sucesso da jornada e a mudança de comportamentos dos automobilistas.

XS
SM
MD
LG