Links de Acesso

Educação Uma das Maiores Preocupações dos Brasileiros Nas Eleições


Educação Uma das Maiores Preocupações dos Brasileiros Nas Eleições

Educação Uma das Maiores Preocupações dos Brasileiros Nas Eleições

<a href="http://www.voanews.com/portuguese/news/special-reports/politics/Elecoes-Brasil-2010-103951788.html"> http://media.voanews.com/images/brazil-elections-480.jpg

Pesquisas mostram que a educação é uma das maiores preocupações dos brasileiros nestas eleições. Levantamento realizado pelo jornal de circulação nacional no Brasil, O Globo, aponta que o assunto é o prioritário para 57% dos pesquisados no período eleitoral.

Pesquisa do Instituto Brasileiro de Opinião Pública e Estatística (IBOPE) também mostrou que o futuro da educação é a segunda maior inquietação dos eleitores. O Brasil quer do próximo governo mais do que escola para todos. O brasileiro necessita de instituições de ensino de qualidade e de mais investimento no ensino superior público.

Para especialistas, um dos grandes desafios da educação nacional é a ampliação do financiamento público. Atualmente, 4,5% do Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro é aplicado no sistema educacional. As entidades do setor defendem que esse percentual, no entanto, deveria ser de, no mínimo, 10 %.

A falta de investimentos tem gerado, entre muitos outros entraves, uma grave crise no país pela falta de professores. O déficit hoje é de 250 mil profissionais da educação no Brasil. Os brasileiros não querem ser professor por causa dos baixos salários e da falta de infraestrutura das escolas.

O ensino superior é outra preocupação. A insuficiência de financiamento nas duas últimas décadas possibilitou a expansão massiva da oferta de vagas pelo setor privado, responsável hoje por cerca de 80% das matrículas do nível superior. A deficiência na área do ensino superior público atinge, sobretudo, os mais pobres e os negros.

Propostas dos candidatos: educação

Os três presidenciáveis mais bem colocados nas pesquisas prometem colocar a educação como prioridade política e, principalmente, orçamentária. Os candidatos também garantem que vão acabar com o analfabetismo, investir no ensino profissionalizante e na ampliação da educação superior pública, com a construção de mais universidades.

Como proposta diferente, a candidata do PT, Dilma Rousseff, destaca a disposição para melhorar a educação básica e ampliar o investimento em pesquisa e em programas de bolsas de estudos para atrair pesquisadores estrangeiros para o Brasil. Já o candidato José Serra (PSDB), foca em sua proposta a necessidade de priorizar a qualidade do ensino e multiplicar os cursos de qualificação, mais curtos, para trabalhadores desempregados.

Do lado da candidata Marina Silva (PV) existe a promessa de garantir internet banda larga para todas as escolas brasileiras, que também é proposta da petista Dilma. Além disso, Marina afirma que vai priorizar a valorização do professor por meio de planos de carreira e salários mais dignos.

Novas Pesquisas

Os escândalos na reta final da campanha política no Brasil podem estar começando a interferir na candidatura da petista Dilma Roussef à presidência da República. Nova pesquisa Datafolha aponta queda da diferença entre Dilma e o tucano José Serra.

Dilma, que na última pesquisa tinha 51% das intenções de voto, agora tem 49%. Já Serra passou de 27 para 28%. Marina Silva, do PV, também cresceu e passou de 11 para 13%.

XS
SM
MD
LG