Links de Acesso

Angola suspeita que Paris e Washington estão a fomentar manifestações


Angola suspeita que Paris e Washington estão a fomentar manifestações

Angola suspeita que Paris e Washington estão a fomentar manifestações

Interrogatório de manifestantes insistiu em conhecer alegados apoios internacionais

As autoridades angolanas estarão a suspeitar que os Estados Unidos e a França estejam a apadrinhar as actuais manifestações de jovens em Angola.

A revelação foi feita ontem à Voz da América pelo secretário-geral da organização juvenil da UNITA, Mfuka Muzemba, dias depois de ter sido absolvido das acusações de que tinham sido o principal organizador das recentes reivindicações dos jovens na capital angolana.

Ele sublinhou que o operativo dos serviços de Inteligência que o interrogou, manifestou-se muito preocupado e bastante insistente nesta questão ao mesmo tempo que pretendeu saber até que ponto a sua organização estaria a ser financiada para liderar uma eventual sublevação nacional.

Mfuka Muzemba considera que a sua detenção foi seguida de um rapto e encarceramento em cela isolada e sem comunicação com a família ou com um advogado.

Ele disse que durante a prisão foi submetido a uma forte tortura psicológica com o intuito de revelar tudo que sabia.

Relativamente às futuras manifestações e sua postura em relação as mesmas, Mfuka Muzemba, garantiu que não vai cruzar os braços enquanto estiverem em causa os direitos fundamentais do jovens, não obstante as posições que tem sido tomadas pelo MPLA e pelos seus dirigentes.

XS
SM
MD
LG