Links de Acesso

Angola: MPLA adverte deputados da UNITA

  • Venâncio Rodrigues

Angola: MPLA adverte deputados da UNITA

Angola: MPLA adverte deputados da UNITA

MPLA acusou deputados da UNITA de estarem a instigar à sublevação nacional.

O secretario regional do MLPA em Luanda, Bento Bento, acusou na passada semana, deputados da UNITA de, alegadamente, estarem a instigar à sublevação nacional.

Os deputados da UNITA, Makuta Nkondo e Kamalata Numa, podem ser os principais visados no recado que a Assembleia Nacional enviou ontem aos membros que utilizem “expressões que sugerem crimes contra a honra ou contenham incitamentos à prática de crimes, mesmo feitas de forma oficiosa”.

Estes deputados foram acusados na passada semana, pelo responsável do MPLA em Luanda, Bento Bento, de, alegadamente, estarem a instigar a sublevação nacional.

O deputado Kamalata Numa já foi alvo este ano de um inquérito parlamentar acusado de instigar a desobediência civil.

Num comunicado distribuído à imprensa, a Assembleia Nacional adverte que a Comissão de Mandatos, Ética e Decoro Parlamentar será chamada a apreciar a correcção das declarações, mesmo as feitas oficiosamente, e se necessário instruir processos de impugnação dos mandatos dos deputados em causa.

O porta-voz da Assembleia Nacional a mediada visa chamar a atenção dos deputados sobre o cumprimento das normas elementares de comportamento.

O comunicado assinado pelo presidente deste órgão, António Paulo Kassoma, defende que, na qualidade de representantes do povo angolano, os deputados à Assembleia Nacional devem pautar a sua conduta observando rigorosa e escrupulosamente um conjunto de princípios éticos, inerentes ao mandato que, em nome do povo, assumem e desta forma preservam incólume o bom nome e a imagem da instituição Assembleia Nacional.

Ouça a reportagem do Venâncio Rodrigues.

XS
SM
MD
LG