Links de Acesso

Menos Seropositivos na África Subsariana


Menos Seropositivos na África Subsariana

Menos Seropositivos na África Subsariana

As Nações Unidas anunciaram que o índice de novos casos de seropositivos registou uma baixa de cerca de um quarto em 22 países da África Subsaariana.

Responsáveis da organização das Nações Unidas de Combate ao SIDA, ONUSIDA, disseram que países conhecidos como tendo números mais elevados de seropositivos em África, como são os casos da Costa do Marfim, Nigéria, África do Sul, Zimbabué e Zâmbia, registaram igualmente reduções no número de novos seropositivos.

As Nações Unidas adiantam no seu relatório que os jovens têm desempenhado um papel preponderante na prevenção da doença, em África, adiando para mais tarde o inicio da actividade sexual, reduzindo o número dos parceiros e utilizando preservativos.

Na Europa Oriental e na Ásia Central, diz as Nações Unidas as taxas dos seropositivos continuam a aumentar.

XS
SM
MD
LG