Links de Acesso

Mototaxistas do Bié vão a julgamento formal


Jovem morto no Bié, pela polícia, durante manifestação de motoqueiros cojntra a brutalidade policial (8 de Setembro de 2011)

Jovem morto no Bié, pela polícia, durante manifestação de motoqueiros cojntra a brutalidade policial (8 de Setembro de 2011)

Os mototaxistas detidos na provincial do Bié não vão ser submetidos a um julgamento sumário, como havia dito o governador Boavida Neto.

Os mototaxistas detidos na provincial do Bié não vão ser submetidos a um julgamento sumário, como havia dito o governador Álvaro Boavida Neto.

Uma fonte da procuradoria provincial disse a VOA que os mototaxistas serão levados a tribunal para serem submetidos a um julgamento ordinário.

Ainda segunda a fonte, os manifestantes começaram a ser ouvidos, na segunda-feira, pelo Ministério Publico, tendo sido indiciados.

A fonte não especificou os crimes de que os motoqueiros são suspeitos, alegando tratar-se dum segredo de justiça.

Refira-se que, os cerca de 6 motociclistas foram detidos, na passada quinta feira, quando manifestavam-se contra os excessos policiais.

O número de feridos e mortos resultantes da repressão policial durante os protestos, ainda estão por determinar.

Boavida Neto, confirmou a morte de uma pessoa pela polícia, sem dar garantias da abertura de inquérito para o esclarecimento do sucedido.

Os motociclistas, por sua vez, falam no falecimento de três indivíduos, dos quais, dois civis que foram baleados pelos agentes da policia, bem como, um policial que morreu em consequência da pancada que recebeu dos manifestantes.

Segundo apurou a VOA, os motoqueiros se debatem com a falta de recursos financeiros para constituírem um advogado.

XS
SM
MD
LG