Links de Acesso

Mais de metade da população angolana não tem água potável

  • Armando Chicoca

Mais de metade da população angolana não tem água potável

Mais de metade da população angolana não tem água potável

Números poderão ser piores já que não há estatísticas da população

Muito mais de metade da população angolana não tem acesso a água potável e saneamento básico, revela um estudo da Universidade Católica de Angola .


o estudo foi levado a cabo por especialistas do Centro de Estudos e Investigação Científica da universidade Católica em Angola, em parceria com a Open Sociery, e será oficialmente divulgado no proximo dia 18.

Nelson Pestana Bonavena professor daquela universidade disse que os resultados constatam "um fraco acesso á agua, que ronda 38% ao nível de implementação de estruturas de captação e produção de agua potável".

"Em relação ao saneamento básico, ronda cerca de 25%," acrescentou.

Aquele docente fez notar que não se pode "ter a verdade absoluta de números, na medida em que, não há dados estatísticos fiáveis no país", fazendo notar a falta por exemplo de um censo populacional.

Para o professor universitário, os resultados do trabalho feito por cientistas sociais locais, traduz-se num contributo para a boa governação, cabendo ao executivo angolano aplicar ou não os resultados apurados.

«Esperamos que o estudo feito, produza efeito positivo na governação já que é para isso que nós fazemos estudo," disse.

Agora, não nos compete á nós, enquanto cientistas sociais, obrigar os governantes a observar aquilo que o estudo diz. Compete aos governantes ler aquilo que o estudo diz e criticamente aplica-lo ou não», acrescentou afirmando ainda que no seu ponto de vista, o estudo é um grande contributo para a melhoria das politicas públicas, no sector das aguas e saneamento.

Ouça a reportagem com outras declaraçoes carregando na barra azul no topo

XS
SM
MD
LG